Inédito: Tradução em Portugues e Letra - Piezas

A Letra e a Tradução em Portugues de Inédito - Piezas
Inédito: Tradução e Letra em Italian - Piezas Italian
Inédito: Tradução e Letra em Ingles - Piezas Ingles
Inédito: Tradução e Letra em Espanhol - Piezas Espanhol
Inédito: Tradução e Letra em Frances - Piezas Frances
Inédito: Tradução e Letra em Alemao - Piezas Alemao
Inédito: Tradução e Letra em Portugues - Piezas Portugues
Inédito: Tradução e Letra em Russo - Piezas Russo
Inédito: Tradução e Letra em Holandês - Piezas Holandês
Inédito: Tradução e Letra em Sueco - Piezas Sueco
Inédito: Tradução e Letra em Norueguês - Piezas Norueguês
Inédito: Tradução e Letra em Dinamarquês - Piezas Dinamarquês
Inédito: Tradução e Letra em Hindi - Piezas Hindi
Inédito: Tradução e Letra em Polonês - Piezas Polonês
Abaixo, você encontrará letras , videoclipes e traduções de Inédito - Piezas em vários idiomas. O vídeo da música com a faixa de áudio da música será iniciado automaticamente no canto inferior direito. Para melhorar a tradução, você pode seguir este link ou pressionar o botão azul na parte inferior.

Inédito
Letra de Piezas

Es Murcia Finest, Alex Orellana, Pablo Bombao
José Javier Sánchez Meroño



Yo tengo mi interpretación como
Llevo llamando la atención desde los tiempos del The Nightclub
Ella soñaba con Orlando Bloom y dio con Marlon
Tirando de clásicos por el iTunes
No creo en rankings, ni tan Gandhi, ni tan Dandy
Speed Camping, está tranquis
Pasé los tiempos de Bambi lanzando el blandiblu
No calco al yanki, comparto tacto y actitud
Tiras la moneda y cae fuera ¿Dónde queda el valor?
¿Qué es lo que fue, que es lo que será?
Dios no espera, hijo, Dios no espera
Llenando el estómago vacías la nevera
Y yo por lo menos sueño en cine
Claros de campanella, la sonrisa de winner
OST por Ennio Morricone, won
Y sin mi nombre en una estrella tengo a quien me patrocine


Me despierto y todo sigue igual
En blanco y negro, te lo juro no es ocasional
Pero me alegro porque todo parece normal
Es sólo un día más de sueños en papel albal, suena fenomenal
Y cuando me escapo, nunca es sólo un rato
Dejo de ser cabal, olvido lo que es ser sensato
Buscando el punto de sal en una vida
Poco hecha, insatisfecha y mezclada con orfidal
El alcohol es sólo un mal menor
Cambio de rol, pero mierda yo no estoy mejor
Los rayos de sol me mandan que me vaya a casa
Y desafío el más grande para ver qué pasa
Soy así, sé feliz, disfruta el momento
No olvides que la profesión se lleva por dentro
No hay emoción, todos saben el final del cuento
La creación está reñida por la pasta y los tantos por cientos

Estoy dejándome llevar, aprendiendo a vivir
Viéndola pasar con otro y no me hace sufrir
¿En qué fallé? ¿Qué hice bien? ¿Qué gané y qué perdí?
¿Qué piensas, qué cuentas de mí, eh?

Dejándome llevar, aprendiendo a vivir
Viéndola pasar con otro y no me hace sufrir
¿En qué fallé? ¿Qué hice bien? ¿Qué gané y qué perdí?
¿Qué piensas, qué cuentas de mí, eh?


Dime ¿sabes reconocer el talento?
Este es el lugar y sin duda es el momento
Expriman los segundos, como nunca

Murcia Finest, tiemblo, pide el movimiento
En la calle todos sueñan con salir de ella
Prender fuego al cartón y tirar la botella
Dejé de jugar con las drogas cuando tú empezaste
Sacando los problemas, el cajón de sastre
Todo está en su sitio, ordené mis pensamientos
Sólo traigo los que necesito en el momento
Pasando páginas de Marvel y de Zafón
Vivo aislado en una cárcel sin tu inspiración
Turn the micro, que hay mucho palique en estos labios
Por eso sabemos jugar con el abecedario
Y soñar con llegar al cielo
Evitando pensar en las cosas que siempre me atan al suelo

Medirme la temperatura mientras miro su retrato
Con la naturaleza del que está pensando en alto
La teoría de la Tierra hueca me sobresaltó
Desde ahí cada latido es un complot al tacto
Me odio tanto que ya ni duele
Cuento cuántos de los míos sufren porque quieren
Se ven vacíos y mira qué tienen
Son alambres de pan Bimbo y mil pesares
Mi pésame a sus madres
Llevamos el cariño al límite
Lo fácil es adaptarse, lo difícil es volver
O dimites o sigues en pie
Perdernos en un mar de aceite
Sin más intención que camuflar las marcas de la piel
No me interesa ¿qué piensan teniendo fresas?
Dime ¿quién te hizo ver que yo era la presa?
Si no distingues a José Javier del Piezas no te va a pesar, no
El humo se camufla entre la


Estoy dejándome llevar, aprendiendo a vivir
Viéndola pasar con otro y no me hace sufrir
¿En qué fallé? ¿Qué hice bien? ¿Qué gané y qué perdí?
¿Qué piensas, qué cuentas de mí, eh?
Dejándome llevar, aprendiendo a vivir
Viéndola pasar con otro y no me hace sufrir
¿En qué fallé? ¿Qué hice bien? ¿Qué gané y qué perdí?
¿Qué piensas, qué cuentas de mí, eh?


Todos sabemos de qué va la película ya
Tenemos una edad
Hemos pasado mucho por esto, con esto y gracias a esto
Son como 10 años dedicao a lo mismo
No se trata de tendencias ni de evolución ni de intereses
Se trata de lo que la gente que que te hace crecer
Y la gente por la que has crecido, punto

Inédito
Tradução de Piezas em Portugues

É Murcia Finest, Alex Orellana, Pablo Bombao
José Javier Sánchez Meroño



Tenho minha interpretação como
Tenho chamado a atenção desde os tempos de The Nightclub
Ela sonhou com Orlando Bloom e encontrou Marlon
Jogando clássicos no iTunes
Não acredito em rankings, nem tão Gandhi, nem tão Dandy
Speed ​​Camping, ela é calma
Passei os tempos do Bambi jogando o blandiblu
Não sigo o yanki, compartilho tato e atitude
Você joga a moeda e ela cai Onde está o valor?
Qual é o quê? Foi, o que vai ser?
Deus não espera filho, Deus não espera
Encheu o estômago vazio na geladeira
E eu pelo menos sonho no cinema
Claros de campanella , o sorriso do vencedor
OST de Ennio Morricone, ganhou
E sem meu nome em uma estrela tenho alguém para me patrocinar


Eu acordo e tudo continua igual
Em preto e branco, eu juro que não é ocasional
Mas estou feliz porque tudo parece normal
É só mais um dia de sonhos em papel branco, parece fenomenal
E quando eu fujo, nunca leva um tempo
Eu paro de ser meticuloso, eu esqueço o que é ser sensato
Procurando o ponto de sal em uma vida
Malcozido, insatisfeito e misturado com orfidal
Álcool é apenas um mal menor
Mudança de papel, mas merda, eu não estou melhor
Os raios do sol me dizem para ir para casa
E eu desafio o maior pra ver o que acontece
Eu sou assim, ser feliz, curtir o momento
Não se esqueça que a profissão é por dentro
Não há emoção, todo mundo conhece a fim da história
A criação se luta pelo macarrão e pelos muitos às centenas

Estou me deixando ir, aprendendo a viver
Assistir passar com outro e não me faz sofrer
Onde eu falhei? O que eu fiz certo O que eu ganhei e o que eu perdi?
O que você acha, o que você diz sobre mim, hein?

Me deixando ir, aprendendo a viver
Assistir ela passar com outro e isso não me faz sofrer
O que eu falhei? O que eu fiz certo O que eu ganhei e o que eu perdi?
O que você acha, e eu, hein?


Diga-me, você sabe como reconhecer talentos?
Este é o lugar e sem dúvida está na hora
Aperte os segundos, como nunca antes

Murcia Finest, eu tremo, peço movimento
Na rua todo mundo sonha em sair dela
Pôr fogo no papelão e jogar a mamadeira
Eu parei de brincar com as drogas quando você começou
Tirando os problemas, o pega-tudo
Tudo está em seu lugar, organizei meus pensamentos
Eu só trago o que preciso o momento
Virando as páginas da Marvel e do Zafón
Vivo isolado em uma prisão sem sua inspiração
Vire o micro, que fala muito nesses lábios
É por isso que sabemos brincar com ele alfabeto
E sonhando em chegar ao céu
Evitar pensar nas coisas que sempre me prendem ao chão

Medir minha temperatura enquanto olho seu retrato
Com a natureza de quem Ele está pensando em voz alta
A teoria da Terra Oca me assustou
Cada lat a partir daí se foi uma trama para tocar
Eu me odeio tanto que não dói mais
Eu conto quantos dos meus sofrem porque querem
Eles parecem vazios e vêem o que eles têm
Eles são fios de pão Bimbo e mil arrependimentos
Minhas condolências às mães deles
Levamos o amor ao limite
O fácil é se adaptar, o difícil é voltar
Ou você se demite ou ainda está de pé
Se perde em um mar de óleo
Sem outra intenção senão camuflar as marcas da pele
Não me importo, o que você acha de comer morangos?
Me diga quem te fez ver que eu era a presa?
Se você não distinguir José Javier das Peças não vai pesar, não
A fumaça se camufla entre os


Estou me deixando ir, aprendendo a viver
Vendo ela passar com outro e não me faz sofrer
Onde eu falhei? O que eu fiz certo O que eu ganhei e o que eu perdi?
O que você acha, o que você diz de mim, hein?
Me deixando ir, aprendendo a viver
Vê-la passar com outro e isso não me faz sofrer
Onde eu falhei? O que eu fiz certo O que eu ganhei e o que eu perdi?
O que você acha, o que você diz sobre mim, hein?


Todos nós já sabemos sobre o que é o filme
Nós temos uma idade
Já passamos muito por isso, com isso e graças a isso
São uns 10 anos dedicados à mesma coisa
Não se trata de tendências ou evolução ou interesses
É sobre o que do que as pessoas que te fazem crescer
E as pessoas para quem você cresceu, ponto final

Melhorar esta tradução

Devido à falta de tempo e de pessoas, muitas traduções são feitas com o tradutor automático.
Sabemos que não é o melhor, mas é o suficiente para deixar claro para aqueles que nos visitam.
Com a sua ajuda e a dos outros visitantes, podemos fazer deste site uma referência para as traduções de músicas.
Você quer dar sua contribuição para a música Inédito Estamos felizes!

CRÉDITOS

A música "Inédito" foi escrita por Piezas e Alex Orellana. Você gosta da música? Apoie os autores e seus rótulos comprando-o.

Piezas

Inédito: Tradução e Letra - Piezas

Inédito

Vos apresentamos o texto e a tradução de Inédito, uma nova música criada por Piezas extraída do álbum 'ADN La Mixtape'

As 15 músicas que compõem o álbum sãos as seguintes:

Aqui está uma pequena lista das músicas desenhadas por que poderiam ser tocadas no concerto e no seu álbum de riferência:

Ultimas Traduções e Letras Inseridas Piezas

Ultimas Traduções e Letras Inseridas

Traduções mais vistas esta semana

Até agora você melhorou
225
traduções de músicas
Obrigado!